Escolha sua fonte:
 Arimo
 Merriweather
 Mukta Malar
 Open Sans Condensed
 Rokkitt
 Source Sans Pro
 Login


 Português 
 Français 
 English 

[Valid RSS] RSS
bar

Banco de dados - Alliance francophone pour l'accouchement respecté (AFAR)

Descrição deste banco de dados documental (Site da AFAR)
Atualmente 3046 fichas
Canal do YouTube (tutorial)

https://afar.info/id=1227

Criado em : 29 Apr 2005
Alterado em : 02 Dec 2007

 Modificar esta ficha
Siga este link somente se você tiver um palavra chave de editor!


Compartilhar: Facebook logo   Tweeter logo   Difícil

Nota bibliográfica (sem autor) :

An assessment of radiotelemetry in the monitoring of labour. Br J Obstet Gynaecol. 1982 Apr;89(4):285-91.

Autores :

Calvert JP, Newcombe RG, Hibbard BM.

Ano de publicação :

1982

URL(s) :

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/entrez/query.fcgi?cmd=…

Résumé (français)  :

Abstract (English)  :

Conventional and telemetric monitoring of labour were compared in a randomized study of 200 patients to assess the effect on the pattern of labour, outcome and attitude of the patients. All the telemetry patients had the option of mobility, but only 45% elected to get out of bed, and then often only for short periods. No clear physical benefits accrued from voluntary mobility. Ambulant patients who had spontaneous deliveries had a longer second stage and more of their babies were slow to establish regular respiration. Quantitative subjective assessments of pain, anxiety and comfort were made. Primigravidae with telemetric monitoring who chose to get out of bed had higher pain scores than primigravidae monitored conventionally, but anxiety scores were highest among primigravidae with telemetry who elected to stay in bed. There was a significant bias towards increased anxiety in the lower social classes. Primigravidae gained more reassurance from monitoring than did multigravidae, but there were no differences resulting from whether or not the recording apparatus was within the patients’ view. Multigravidae who had experienced both forms of monitoring preferred telemetry because they felt less restricted and less anxious.

Sumário (português)  :

Comentários :

Argument (français) :

Etude non concluante de l’effet du monitoring déambulatoire, peu de femmes ayant utilisé la liberté de mouvements possible. Seules les multipares ayant déjà eu un monitoring continu ont préféré le monitoring déambulatoire, se sentant moins restrictionnées dans leurs mouvements et moins anxieuses.

Argument (English):

Argumento (português):

Palavras-chaves :

➡ posição durante o trabalho de parto ; fisiologia ; monitorizar

Autor da esta ficha :

Cécile Loup — 29 Apr 2005

Discussão (exibir apenas português)
 
➡ Reservado para usuários identificados



 Li a carta de discussões e aceito as condições (leia as diretrizes)

barre

Efectuar uma nova consulta especialista --- Outro pedido simples

Criação de uma ficha --- Importar registros

Gerenciamento de usuários --- Fazer backup do banco de dados --- Contato

bar

Esta base de dados é gerida pela Alliance francophone pour l'accouchement respecté (AFAR, https://afar.info)
filiados Collectif interassociatif autour de la naissance (CIANE, https://ciane.net).
Ele é alimentado pelas contribuições de voluntários interessados ​​em compartilhar informações científicas.
Se você aprovar este projeto, você pode nos ajudar de várias maneiras:
(1) tornar-se um colaborador com base nisso, se você tem um pouco experiência na literatura científica
(2) ou apoio financeiro AFAR (veja abaixo)
(3) ou tornar-se um membro da AFAR (ou outra associação afiliada à CIANE).
Faça login ou crie uma conta para seguir as alterações ou se tornar um editor.
Contato afar.association(arobase)gmail.com para mais informações.

Valid CSS! Valid HTML!
Doar para a AFAR (clique em “Faire un don”) nos ajudará a manter e desenvolver sites e bancos de dados
públicos para o apoio das decisões informadas dos pais e cuidadores com relação ao parto