Escolha sua fonte:
 Arimo
 Merriweather
 Mukta Malar
 Open Sans Condensed
 Rokkitt
 Source Sans Pro
 Login


 Português 
 Français 
 English 

[Valid RSS] RSS
bar

Banco de dados - Alliance francophone pour l'accouchement respecté (AFAR)

Descrição deste banco de dados documental (Site da AFAR)
Atualmente 3053 fichas
Canal do YouTube (tutorial)

https://afar.info/id=775

Criado em : 28 May 2004
Alterado em : 02 Dec 2007

 Modificar esta ficha
Siga este link somente se você tiver um palavra chave de editor!


Compartilhar: Facebook logo   Tweeter logo   Difícil

Nota bibliográfica (sem autor) :

A hospital-sponsored quality improvement study of pain management after cesarean delivery. American Journal of Obstetrics and Gynecology 2004;190(5):1341-1346.

Autores :

Yost NP, Bloom SL, Sibley MK, Lo JY, McIntire DD, Leveno KJ.

Ano de publicação :

2004

URL(s) :

http://www.sciencedirect.com/science/article/B6W9P…

Résumé (français)  :

Abstract (English)  :

Objective

We undertook this study to systematically assess prevailing pain management regimes used at our hospital in women after cesarean delivery.

Study design

Between August 1999 and July 2000, all women delivered by cesarean section at Parkland Hospital were assigned to 1 of 4 different pain management strategies: (1) intramuscular (IM) meperidine, (2) patient-controlled analgesia (PCA) meperidine, (3) IM morphine sulfate, and (4) PCA morphine sulfate. A combination of methods were used to compare these different pain management strategies. A survey questionnaire, using Likert scale responses, was administered to evaluate maternal satisfaction with pain control. Visual Analog Scale (VAS) scores and information regarding breastfeeding and rooming-in were also collected.

Results

A total of 1256 women were allocated to the 4 analgesia study groups. The median meperidine dosages for the IM and PCA groups were 350 mg and 600 mg, respectively (P ≤ .01). Conversely, the median IM morphine dose (65 mg) was significantly higher than that for the PCA group (60 mg). The percentage of women reporting moderate or worse pain (VAS scores 4 or more) was significantly lower in those women who received PCA meperidine compared with IM meperidine. Women who received morphine reported less severe pain compared with meperidine, regardless of route of administration. The patients’ subjective report of satisfaction with pain management was not related to the method or drug used for pain control (P = .13). Fewer women assigned to morphine therapy stopped breastfeeding (P = .02) and more roomed-in with their infants (P<.01).

Conclusion

Pain relief was superior with the morphine regimens used and was positively associated with breastfeeding and infant rooming-in.

Sumário (português)  :

Comentários :

Argument (français) :

Argument (English):

Argumento (português):

Palavras-chaves :

➡ cesariana ; medicamentos contra a dor ; dor

Autor da esta ficha :

Cécile Loup — 28 May 2004

Discussão (exibir apenas português)
 
➡ Reservado para usuários identificados



 Li a carta de discussões e aceito as condições
[Ocultar diretrizes]

➡ Diretrizes de discussão

1) Os comentários são destinados a esclarecer o conteúdo do artigo ou fornecer links para aprofundar o assunto
2) Os comentários são públicos e as opiniões expressas são de responsabilidade dos autores
3) Evite anedotas e histórias pessoais
4) Quaisquer comentários fora do tópico ou que contenham comentários inaceitáveis serão excluídos sem aviso prévio

barre

Efectuar uma nova consulta especialista --- Outro pedido simples

Criação de uma ficha --- Importar registros

Gerenciamento de usuários --- Fazer backup do banco de dados --- Contato

bar

Esta base de dados é gerida pela Alliance francophone pour l'accouchement respecté (AFAR, https://afar.info)
filiados Collectif interassociatif autour de la naissance (CIANE, https://ciane.net).
Ele é alimentado pelas contribuições de voluntários interessados ​​em compartilhar informações científicas.
Se você aprovar este projeto, você pode nos ajudar de várias maneiras:
(1) tornar-se um colaborador com base nisso, se você tem um pouco experiência na literatura científica
(2) ou apoio financeiro AFAR (veja abaixo)
(3) ou tornar-se um membro da AFAR (ou outra associação afiliada à CIANE).
Faça login ou crie uma conta para seguir as alterações ou se tornar um editor.
Contato afar.association(arobase)gmail.com para mais informações.

Valid CSS! Valid HTML!
Doar para a AFAR (clique em “Faire un don”) nos ajudará a manter e desenvolver sites e bancos de dados
públicos para o apoio das decisões informadas dos pais e cuidadores com relação ao parto