Escolha sua fonte:
 Arimo
 Merriweather
 Mukta Malar
 Open Sans Condensed
 Rokkitt
 Source Sans Pro
 Login


 Português 
 Français 
 English 

[Valid RSS] RSS
bar

Banco de dados - Alliance francophone pour l'accouchement respecté (AFAR)

Descrição deste banco de dados documental (Site da AFAR)
Atualmente 3046 fichas
Canal do YouTube (tutorial)

https://afar.info/id=921

Criado em : 07 Oct 2004
Alterado em : 02 Dec 2007

 Modificar esta ficha
Siga este link somente se você tiver um palavra chave de editor!


Compartilhar: Facebook logo   Tweeter logo   Difícil

Nota bibliográfica (sem autor) :

Effects of lumbar epidural analgesia on prostaglandin F2 alpha release and oxytocin secretion during labor. Prostaglandins 1993 Mar;45(3):285-96

Autores :

Behrens O, Goeschen K, Luck HJ, Fuchs AR.

Ano de publicação :

1994

URL(s) :

Résumé (français)  :

Abstract (English)  :

(Department of Obstetrics and Gynecology, Medical School of Hannover, Federal Republic of Germany.)

The concentrations of plasma oxytocin and prostaglandin F2 alpha metabolite (PGFM) were measured in 10 parturients with and 10 without lumbar epidural analgesia. A blood sample was taken immediately before analgesia and another 60 min later.

The control patients were matched for the stage of cervical dilatation at the time of the first blood sample; the second was drawn 60 min later. Plasma PGFM decreased significantly after lumbar epidural anesthesia and increased in controls resulting in a highly significant difference between the groups (P < 0.005). Plasma oxytocin concentrations levels also changed in opposite directions in the two groups but the difference did not reach statistical significance (P < 0.1).

Uterine activity increased in the controls and decreased in the analgesia group resulting in a significant difference between the groups (P < 0.05). All subjects delivered vaginally. The total duration of labor was longer in the analgesia group (7.8 +/- 1.0 h vs. 4.7 +/- 0.6 h; P < 0.05) as was the duration after analgesia (5.1 +/- 0.9 h vs. 2.5 +/- 0.8 h; P < 0.05), whereas the duration of the second stage was not significantly different. We conclude that lumbar epidural anesthesia results in suppression of PGF2 alpha release which may be the cause of the diminished uterine activity and the prolonged duration of the first stage of labor.

Sumário (português)  :

Comentários :

Argument (français) :

Argument (English):

Argumento (português):

Palavras-chaves :

➡ hormonas ; ocitocina (Syntocinon) ; dor

Autor da esta ficha :

Bernard Bel — 07 Oct 2004

Discussão (exibir apenas português)
 
➡ Reservado para usuários identificados



 Li a carta de discussões e aceito as condições (leia as diretrizes)

barre

Efectuar uma nova consulta especialista --- Outro pedido simples

Criação de uma ficha --- Importar registros

Gerenciamento de usuários --- Fazer backup do banco de dados --- Contato

bar

Esta base de dados é gerida pela Alliance francophone pour l'accouchement respecté (AFAR, https://afar.info)
filiados Collectif interassociatif autour de la naissance (CIANE, https://ciane.net).
Ele é alimentado pelas contribuições de voluntários interessados ​​em compartilhar informações científicas.
Se você aprovar este projeto, você pode nos ajudar de várias maneiras:
(1) tornar-se um colaborador com base nisso, se você tem um pouco experiência na literatura científica
(2) ou apoio financeiro AFAR (veja abaixo)
(3) ou tornar-se um membro da AFAR (ou outra associação afiliada à CIANE).
Faça login ou crie uma conta para seguir as alterações ou se tornar um editor.
Contato afar.association(arobase)gmail.com para mais informações.

Valid CSS! Valid HTML!
Doar para a AFAR (clique em “Faire un don”) nos ajudará a manter e desenvolver sites e bancos de dados
públicos para o apoio das decisões informadas dos pais e cuidadores com relação ao parto