frFrançais enEnglish esEspañol

➡  As ima­gens nes­ta pági­na apre­sen­tam a inter­fa­ce em fran­cês, mas é pos­sí­vel nave­gar nos três idi­o­mas: fran­cês, inglês e por­tu­guês

Este ban­co de dados destina‐se a aten­der às neces­si­da­des de refe­rên­cia de publi­ca­ções médi­cas para tudo rela­ci­o­na­do ao par­to e assis­tên­cia peri­na­tal. Pode ser usa­do por indi­ví­du­os (usuá­ri­os) e pro­fis­si­o­nais.

Deve per­mi­tir uma pes­qui­sa mui­to rápi­da sobre um deter­mi­na­do assun­to, sem ter que ana­li­sar as deze­nas de jor­nais que publi­cam sobre o assun­to, e para obter uma boa idéia geral ao ler os resu­mos.

A bibli­o­gra­fia não é ori­en­ta­da para uma agen­da espe­cí­fi­ca, mas pre­con­cei­tos de sele­ção são ine­vi­tá­veis. É por isso que que­re­mos aumen­tar o núme­ro de cola­bo­ra­do­res para cobrir um máxi­mo de assun­tos.

A inter­fa­ce foi adap­ta­da para nave­ga­ção em tablets e tele­fo­nes celu­la­res.

Ver 50 lis­ta­gens mais recen­tes

 Canal do Youtube: Tutorial de Banco de Dados AFAR

A seguir, um resumo do tutorial.

Existem duas manei­ras de pes­qui­sar arti­gos na bibli­o­gra­fia do AFAR: pes­qui­sa sim­pli­fi­ca­da e pes­qui­sa espe­ci­a­li­za­da.

Pesquisa simplificada (por palavras‐chaves)

Siga um dos links a seguir para exi­bir a pági­na de pes­qui­sa:

Posteriormente, é pos­sí­vel alte­rar o idi­o­ma com um úni­co cli­que e até esco­lher um con­jun­to de carac­te­res dife­ren­te para a exi­bi­ção.

Pesquisa especializada

Aperçu de la recherche experte

Apresentação de resultados

  • Clicar no títu­lo dá aces­so à folha deta­lha­da
  • Ao cli­car no link (colu­na «URL»), você aces­sa a pági­na onde o resu­mo está arma­ze­na­do (geral­men­te no site do jor­nal que o publi­cou)

Prática: use o número do cartão

  • A par­tir do núme­ro do car­tão, um link cur­to for­ne­ce aces­so dire­to ao car­tão.
    Exemplo para o arqui­vo n°2322 : https://afar.info/id=2322

Registre‐se no site: por quê?

Recomenda‐se regis­trar no site do ban­co de dados. O site só regis­tra­rá seu nome e ende­re­ço de e‐mail, que per­ma­ne­ce­rão con­fi­den­ci­ais.

O regis­tro dá aces­so aos seguin­tes ser­vi­ços:

  1. Siga a cri­a­ção de car­tões sele­ci­o­nan­do as palavras‐chave que inte­res­sam a você
  2. Acesso ao modo «edi­tar» para a cri­a­ção ou modi­fi­ca­ção de car­tões, se você obte­ve auto­ri­za­ção após o seu regis­tro. Um úni­co cli­que per­mi­te que você o soli­ci­te.

Para se ins­cre­ver, cli­que no link «Log in» no can­to supe­ri­or direi­to, depois em «Não sou cadas­tra­do, crie minha con­ta…».

Um site interativo!

Os usuá­ri­os regis­tra­dos no site podem adi­ci­o­nar seus comen­tá­ri­os na par­te infe­ri­or de cada folha bibli­o­grá­fi­ca. Uma car­ta defi­ne as con­di­ções de acei­ta­ção des­ses comen­tá­ri­os (mode­ra­da a pos­te­ri­o­ri): sua fina­li­da­de é con­cluir o arti­go e for­ne­cer links para outras fon­tes con­fiá­veis de infor­ma­ção.

Perguntas/Respostas sobre a bibliografia

Desde quan­do esta bibli­o­gra­fia exis­te?
2003

O aces­so é pago?
Não

Quem é ali­men­ta­do por?
Por volun­tá­ri­os, mem­bros ou não da AFAR

Esta bibli­o­gra­fia é exaus­ti­va??
Não, é ali­men­ta­do de for­ma não sis­te­má­ti­ca quan­do os arti­gos são iden­ti­fi­ca­dos como impor­tan­tes para os usuá­ri­os, ou quan­do uma revi­são sis­te­má­ti­ca é rea­li­za­da sobre um deter­mi­na­do tópi­co.

Quais infor­ma­ções estão lis­ta­das para cada publi­ca­ção?

  • o títu­lo
  • os auto­res,
  • o jor­nal e ano de publi­ca­ção,
  • palavras‐chave,
  • o ende­re­ço da web onde a publi­ca­ção está loca­li­za­da (resu­mo ou tex­to com­ple­to, se aces­sí­vel)
  • o resu­mo da publi­ca­ção
  • pos­si­vel­men­te a tra­du­ção do resu­mo em fran­cês
  • pos­si­vel­men­te comen­tá­ri­os / aná­li­se e / ou um link para pági­nas de dis­cus­são
  • des­de 2009, o DOI (iden­ti­fi­ca­dor de obje­to digi­tal, códi­go que iden­ti­fi­ca qual­quer publi­ca­ção)

Existe o tex­to com­ple­to de todos os arti­gos?

Em qual­quer caso, os arti­gos estão sujei­tos a «direi­tos auto­rais», isto é, um ban­co de dados públi­co não pode arma­ze­nar arti­gos intei­ros.
Quando o jor­nal tem aces­so livre à web, nós damos o ende­re­ço da web cor­res­pon­den­te e arqui­va­mos uma cópia do con­teú­do em aces­so públi­co. Mas a mai­o­ria dos jor­nais está pagan­do.
Para aces­sar o con­teú­do do arti­go, você deve assi­nar o jor­nal ou com­prar os arti­gos na web (mui­tas vezes no arti­go de 30 euros, inde­pen­den­te­men­te do tama­nho).
Também é pos­sí­vel soli­ci­tar dire­ta­men­te uma reim­pres­são dos auto­res.

Como con­tri­buir?

Você sabe (ou quer apren­der) pes­qui­sar publi­ca­ções médi­cas, ou ler resu­mos com mai­or frequên­cia em inglês e fazer uma aná­li­se crí­ti­ca rápi­da ou tra­du­zir resu­mos? O tópi­co das prá­ti­cas médi­cas duran­te a gra­vi­dez ou o par­to lhe inte­res­sa?

Se você dese­ja con­tri­buir para ali­men­tar esta bibli­o­gra­fia, você pode se regis­trar no ban­co de dados e pedir para se bene­fi­ci­ar dos direi­tos de edi­ção.

Clique no link «login» no can­to supe­ri­or direi­to de cada pági­na e, em segui­da, em «Esqueci minha senha».

Você pode­rá então adicionar/modificar car­tões (adi­ção de resu­mo, comen­tá­rio, tex­to com­ple­to) com a aju­da dos admi­nis­tra­do­res. Alguns tra­ba­lhos mui­to úteis não exi­gem habi­li­da­des de docu­men­ta­ção, como a atu­a­li­za­ção de links para publi­ca­ções que foram cap­tu­ra­das nos tem­pos anti­gos.

Você tam­bém pode impor­tar para o ban­co de dados AFAR uma bibli­o­gra­fia cri­a­da com a fer­ra­men­ta Zotero:

  • envie‐nos a expor­ta­ção Zotero no for­ma­to EndNote+Xml, vamos importá‐lo em nos­so ban­co de dados
  • ou registre‐se e peça‐nos aces­so de admi­nis­tra­dor para rea­li­zar a impor­ta­ção você mes­mo.

Baixe o méto­do de impor­ta­ção do Zotero (PDF en fran­çais)


Pour une recher­che exhaus­ti­ve de réfé­ren­ces médi­ca­les, con­sul­tez PubMed (National Center for Biotechnology Information). Un mode d’emploi en fran­çais vous est pro­po­sé par l’Université de Montréal. For an exhaus­ti­ve query of the medi­cal lite­ra­tu­re, ple­a­se con­nect to PubMed (National Center for Biotechnology Information).
Un index d’articles sci­en­ti­fi­ques sur la gros­ses­se et la péri­o­de «pri­ma­le» des bébés peut être con­sul­té au Centre de recher­che en san­té pri­ma­le. Un autre réper­toi­re impor­tant sur la pra­ti­que de sage‐femme est celui de UK Midwifery Archive. The Primal Health Research Centre pro­vi­des an index to the sci­en­ti­fic lite­ra­tu­re rela­ti­ve to preg­nancy and the «pri­mal» peri­od of babi­es. Another impor­tant sour­ce on midwi­fery prac­ti­ce is the UK Midwifery Archive.